25
Ago 17

Passaram apenas 70 anos da II Guerra Mundial e a humanidade não aprendeu nada.

Desde a II Guerra Mundial passaram o quê? 2 gerações no máximo e qual o resultado?

É aquilo que cada vê assistimos mais na imprensa.

Não culpo a impressa. Sou da opinião que temos de saber o que nos rodeia para abrirmos os olhos.

Ignorância não é bom apanágio.

Cada vez á mais intolerância...

Cada vez a humanidade está egoísta.

Não há raças boas e raças más.

Há sim pessoas boas e pessoas que devia ter escorregado das mãos dos/das parteiras logo á nascença.

A minha turma na universidade não podia ser mais diversificada.

A nível de religião, tinha muçulmano, judeus, cristão, evangélicos, ateus e neste momento não me lembro de mais mas acho que me falta alguém...

Nacionalidade? Eram portugueses de nascença mas cujos pais ou avós eram, angolanos, marroquinos, portugueses, chineses... E neste momento não me lembro de mais.

A nossas conversas eram do mais gratificantes que podíamos ter. Sempre houve respeito. Sabíamos ouvir-nos.

Falava-se de tudo, debatíamos tudo mas éramos super amigos.

Discriminação? Nunca vi, ouvi ou senti.

Pergunto-me: porquê tanto ódio, tanta raiva, tanta revolta?

Qual a necessidade disso?

O que se passa nesta humanidade que não há maneira de aprender com os erros...

Gente maluca sempre houve, há e haverá...

Mas para quê isto tudo?

Temos meia dúzia de malucos a governar países cujo o único interesse é o próprio bolso e mais nada...

Parecem putos a brincar sem ter noção das consequências das suas acções....

A vontade que dá é dar-lhe "um puxão de orelhas" e mete-los de "castigo".....

Mas "pau que nasce torto, tarde ou nunca se endireita", como dizia a minha bisavó...

Desculpem lá o meu desabafo, mas ultimamente o meu filho tem tido muita dificuldade em perceber algumas coisa (que nem eu consigo entender) que vê e ouve e faz perguntas. O que é normal.... 

Fiquem bem, sejam felizes e combatam a imensa maldade que vos rodeia, com boas acções...

Não custa e temos de acreditar que "água mole em pedra dura tanto bate até que fura".

 

 

 

publicado por donadecasadesempregada às 10:28

26
Jul 17

Eis uma questão que coloco?

Cá em casa, tenho andado em baixo a vomitar. Só me apetece estar quieta e em paz.

Pois.....

Isso é algo impossível.

Ninguém encontra as meias (que estão no sitio), Onde está a blusa vermelha com pintinhas encarnadas? Pendurada...

O que se faz para o jantar? Não sei desenrasquem-se...

Chiça penico....

Já uma mãe não pode "curtir" uns vomitanços á vontade???????

Bolas que stress...

A única coisa "boa" é que assim vou trabalhando os abdominais.....

Fiquem bem e sejam felizes .

publicado por donadecasadesempregada às 19:17

18
Jul 17

Opa hoje estou assim, meia murcha...

É verdade...

Como eu gostava de ter uma casa tipo revista de decoração, em vez de andar constantemente a arrumar roupa, cozinhas, quartos, limpar pó....

Irra!

Acho que o meu mal hoje é cansaço e estou a precisar de férias...

O mal é que as maganas só chegam no fim do mês e é para limpar e pintar a casa...

"Vida di pobri"....

Não, não tenho quem me ajude ( a não ser o meu marido que já está como eu). Eu lavo, passo, varro, cozinho, sou mulher, mãe, tia, dona de casa, trabalhadora por conta de outrem, trabalho por conta própria, Tenho de ter tempo para tudo e para todos, menos tempo para mim...

Para ver o cumulo das coisas. Doía-me os pés. Quando calçava as botas ou os ténis (que o calçado que uso nos 2 trabalhos que tenho) lá me doíam os pés... Quando chegava a casa e vestia os trapos de casa e andava a pé limpo já não doíam! Mas o que se passava? Numa ida ao WC resolvi matar 2 coelho de uma cajadada. Sentadinha na sanita a aliviar as tensões intestinais, resolvi descalçar-me. As minhas unhas pareciam as de uma águia!!!!!!!!!! 

O que me fazia doer os pés eram as unhas grandes, que devido á correria em que ando me esquecia de as cortar!!!!

Acham isto normal????

Pois apesar de ter passado comigo, não acho, mas a verdade é que aconteceu....

Não sei como vou aguentar esta situação por mais tempo.

O mais provável é aguentar, mas hoje estou mesmo KO e são apenas 6 da manhã.....

O que estou a fazer a estas horas agarrada ao computador?

Dores nas costas que não querem estar deitadas/sentadas ou de pé... Com não consigo dormir resolvi desabafar para ver se me dá força para o dia.

Para mim falar (neste caso escrever) é um balsamo para seguir em frente....

Fiquem bem, sejam felizes

 

publicado por donadecasadesempregada às 06:03

16
Jul 17

Sim o meu "desaparecimento" tem uma justificação: o meu PC foi para o "lavai" só com bilhete de ida .

Como já estou a ficar mais que habituada aos rochedos que a vida me pões á frente, digamos que este "percalço" foi mais uma pedra!

Mas agora já tenho a situação resolvida...

Já posso aparecer e dizer "conviver" convosco.

Por isso para que tinha saudades minhas(se isso é possível): AQUI ESTOU EU DE VOLTA!!!!

publicado por donadecasadesempregada às 09:12

07
Jun 17

Tia, tenho uma coisa para te dizer...

Então diz lá.

Sabes... (fez-se silêncio)

Diz lá amor.

Tu e o tio têm sido mais nossos pais nestes dias que estamos convosco, do que os meus pais...

Fez-se silêncio, ouve um grande e forte abraço, mas não ouve mais troca de palavras... Não consegui...

Saiu-me o chão debaixo dos pés....

publicado por donadecasadesempregada às 00:32

05
Jun 17

É verdade ando cansada...

Com 4 crianças em casa (espero que a situação se resolva depressa), ando numa correria que não imaginam.

Quando eles nascem de nós, a rotina vai sendo natural. Agora nesta situação, foi algo repentino e estou a ter dificuldades fisicas e psicológicas.

Além das aulas os meus anda um no ballet e outro na banda. Os outros dois "meus" pediram-me para ir um para Hip Hop e outro para futebol.

Aceitei. Já basta tudo o resto...

Mas a verdade é que ando numa roda viva e super cansada...

Tenho medo de não conseguir dar conta do recado. 

Mas também sei que não posso ceder. Afinal as crianças não têm culpa.

Esperemos que tudo se resolva a bem das crianças (porque esta instabilidade não ajuda em nada) e depressa para tentar organizar a minha vida conforme a solução encontrada....

Haja cafezinhos ....

 

publicado por donadecasadesempregada às 00:24

21
Mai 17

Não hoje não venho postar a ementa da semana, mas sim um desabafo...

A minha família de 4 está na eminência de virar 6...

Não, não estou grávida. Digamos que seria um "mal" menor.

Devido á cabeça inconsciente de dois seres que se consideram adultos e tem atitudes de 4 anos, há 2 seres inocentes no meio.

Se as coisas não mudarem naquelas duas cabeças (coisa que infelizmente duvido) devo ficar com os meus sobrinhos a meu cargo...

2 pré adolescentes (como agora pomposamente lhes chamam)...

2 cabecinhas num turbilhão impensável...

2 corações despedaçados...

2 seres revoltados...

Meu Deus...

Desculpem o que vou escrever, mas neste momento é o que sinto. Todo o ser que não tem "jeito" para ser pai/mãe devia nascer estéril.

Meus meninos...

Tinha de desabafar. Peço desculpa se feri a susceptibilidade de alguém, mas também nunca pensei vir a ter uma situação desta na minha família. 

Não, não venho de uma família que se acha melhor que os outros, apenas somos uma família onde foram incutidos valores familiares, de entreajuda, de ajudar o próximo...

Mas o meu irmão não aprendeu nada...

Posso a vir passar por dificuldades, mas não vou virar as costas a 2 crianças. Já chega de sofrimento. 

Fiquem bem. Sejam felizes. Poderem as vossas atitudes.

 

publicado por donadecasadesempregada às 19:13

09
Mai 17

Só quero deixar a minha opinião.

 

É INJUSTO.

 

Se era para uns era para todos ou então não era para ninguém.

 

Até parece que só há catolicos na função publica....

 

Neste momento estou como FP mas não acho justo!

 

Mas também seria hipocrisia minha dizer que não sabe bem.

 

Vai saber bem a mim, mas também iria saber bem a que vai ter de trabalhar...

 

Alguém se lembrou, por exemplo, onde os pais que vão estar a trabalhar nesse dia vão deixar os filhos????

 

É que as escolas vão estar fechada e tal...

 

Mais valia que tivesse decretado feriado, ou então estivessem estado quietos...

publicado por donadecasadesempregada às 00:34

25
Abr 17

E quando a balança começa a descer.... isso é sinal de encontrar roupa mais "facilmente"

Desde meados do mês passado até agora já lá vão quase 5kg a menos. Estou a acreditar que vou baixar dos 3 digitos até ao final do mês...

Ainda compro roupa com numero grandes mas já vou encontrado roupa sem ser na secção dos XXXXXXXXXXXXLLLLLLLLLLLLLLLLLLL.

Mais um motivo de alegria.

Estou a fazer justiça ao ditado "trabalhar dá saude" e ajuda a perder peso 

 

 

publicado por donadecasadesempregada às 01:46

22
Abr 17

Pois é, tenho novidades!

Para além de desaparecida, mudei de trabalho!

Estou a trabalhar com crianças á porta de casa e ainda me dou ao luxo de ter um 2º trabalho: na agricultura (que é algo que me complementa, que me realiza) e ainda tenho a minha horta (projecto esse que eu e o meu marido queremos alargar)

No outro emprego (que tive de desistir dele em prol da família) trabalhava muitas horas e não tinha tempo para a família. Entristeceu-me virar as costa a um projecto muito bom, a uma equipa que era mais uma família.

Mas agora trabalho quase tanto como trabalhava mas tenho mais tempo com a família!!!

Sei que parece esquisito, mas é a verdade!

Só o fato de almoçar com os meus filhos e ter tempo para fazer os TPC´s com o mais velho já é muito bom.

Recebo ligeiramente menos mas ganho mais!

Sim mais um contradição. Mas almoço em casa com os meus filhos (logo eles não têm de ir ao refeitório), vou a pé para os trabalhos (logo não há desgaste de carro). Tenho fim de semanas com a família...

Para mim entra menos dinheiro mas como tenho menos gasto, o menos sai mais!!!!!!!

Já tenho tempo para "piquenicar" com a familiar, andar de bicicleta cair a "partir-me" toda....

Enfim são pequenos pormenores que normalmente não lhe damos valor até não podermos te-los....

Neste momento estou mais feliz, mais realizada e apesar de cansada, é um cansaço "fácil" de levar.

Neste momento o meu filho diz que pareço uma formiga. Sempre a trabalhar!

Já lhe expliquei que na vida temos de aproveitar as oportunidades que ela nos apresenta, para quando surgem as dificuldades seja mais "fácil" ultrapassa-las.

Resumindo estou feliz e realizada.

Fiquem bem. Sejam felizes 

 

 

 

 

publicado por donadecasadesempregada às 10:04

Janeiro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
30



mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO