18
Jan 16

Acabei de assistir a uma situação que me envergonhou como ser humano e me deixou a reflectir.

Acabei de ver um miúdo na casa dos 20 anos com um curso de engenheiro de "qualquer coisa", acabado de sair da universidade, a fazer a vistoria a uma obra publica.

Até aqui nada de especial que me possa fazer sentir envergonhada como ser humano, certo?

Certo.

O que me deixou envergonhada como ser humano, foi a maneira arrogante e desprezível, como ele falava com os trabalhadores.

Gritava com eles, chamou-lhes burros e incompetentes (entre outros nomes que me recuso a reproduzir).

A situação foi tão baixa que um superior dele teve de se meter antes que os trabalhadores se fossem a ele.

Como se isso fosse pouco, virou as costas a TODA as pessoas, a insulta-las e a dizer "Vê-se mesmo que não sabem de quem sou filho. Isto não vai ficar assim" e meteu-se dentro de um BMW NOVO EM FOLHA DE 2016! Que foi prenda dos pais.

Pronto já deduziram o que me deixou envergonhada como ser humano e me deixou a reflectir...

Parece que os pais daquela "criança" esqueceram-se de aprender uns valores e como consequencia não puderam passar ao filho. Só vejo essa explicação...

Será que aquela "criança" ainda não se apercebeu que os paizinhos não vão existir para sempre'

Será que aquela "criança" não aprendeu que se não fosse os "burros e incompetentes" ele não teria emprego?

Será que aquela "criança" ainda não se apercebeu que ele não é o Nosso Senhor da terra?

O pior é que não tenho qualquer duvida que aquela "criança" vai-se safar sem problemas desta cena lamentável e continuar a vida arrogante que demonstrou ser e ter.

Perante isto, é de reflectir que nós pais temos a obrigação de dar valores aos nossos filhos e mostrar que podem ter 20 cursos superiores, mas que isso não os faz ser superior aos outros. Apenas tiveram a possibilidade de os ter, pois há muitos "burros e incompetentes" que só não tiveram os mesmos 20 cursos superiores, não por falta de capacidade intelectual mas sim por falta de capacidade monetárias (que é o que acontece a muitos).

 

 E lembra-los que eles até podem ter 20 cursos superiores, mas se não houver que ponha em pratica as suas teorias, esses senhores Doutores e Engenheiros estariam no desemprego.

Eu, aquela "criança" primeiro punha-o a varrer ruas, limpar sargentas e esgotos e outros serviços assim, para ele aprender que é debaixo que as coisas surgem e não de cima.

Para finalizar, quero dizer que FELIZMENTE há MUITOS doutores e engenheiros (espero que a maioria) que não pertencem ao grupo desta "criança".

Aqui fica a minha indignação..

publicado por donadecasadesempregada às 10:44

Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
16

17
21
22
23

30



subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO