Sexta-feira, 09.10.15

Pimentos assados

 

Mais uma vez para aproveitar o que a horta nos dá, vou assar pimentos.

Se fica em conta, não faço a mínima ideia. Nunca fiz contas. Mas que já provei pimentos assados de compra e, modéstia á parte, mas prefiro os meus.

Como faço?

Simples simples.

No meu caso, forro o tabuleiro do forno do fogão com papel de alumínio e coloco os pimentos inteiros, deixando um espaço de 1 dedo entre eles. Podem usar a patusca mas leva menos quantidade de pimentos.

Depois é deixar cozer.

Vai-se verificando a cozedura e sempre que necessário vira-se os pimentos.

Quando já estão cozidos, coloco-os num recipiente com água fria. Deixo-os arrefecer e é só tirar a pele a as sementes. Ponho a escorres e congelo em doses que vejo que são suficientes para uma refeição.

Gosto mais dos meus, não só porque sei como foram feitos, mas também porque ficam cozidos como nós gostamos.

Volto a referir, não sei se fica mais em conta mas cá em casa faço e irei continuar a fazer porque adoramos.

Por vezes a qualidade também tem de prevalecer mesmo mediante a crise. E como não compro os pimentos, só pago o gás. Mas quando asso pimentos, não asso só 6 ou 7. Faço as coisas para assar 3 ou 4 "fornadas". Isto tudo para aproveitar o forno quente de umas vezes para as outras.

Esta é a minha sugestão. Se é anti-crise para vocês? Não sei. Cá para casa é!

 

publicado por donadecasadesempregada às 10:12 | link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 08.10.15

Marmelada caseira

Queria por aqui a foto da minha mas não me estou a entender com as tecnologias. Não sei se a culpa é da máquina, do blog, do adiantado da hora ou é aselhice minha...

Hoje trouxe os primeiros marmelos do meu marmeleiro. Fora 5 e deram 1,968gr.

Nada mau, garanto-vos.

Fui logo fazer marmelada, porque cá em casa somos doidos por compotas caseiras. Sim estou a fazer dieta, mas continuo a gostar em meter o dedo onde não devo .

A receita é super simples. Descasca-se os marmelos e tira-se o caroço. Pesa-se e coloca-se quantidade igual de açúcar. Eu pessoalmente roubo sempre 100 a 200gr no açúcar. Há quem goste de um pau de canela, mas cá em casa é mesmo só marmelo e açúcar. Vai á panela de pressão e quando esta levanta fervura desliga-se. Já está, agora é só meter a varinha mágica bzzzz bzzzz bzzzz e colocar a marmelada nos recipientes.

Ah, só mais uma coisa, por vezes fica mais liquida. Logo se gostam da marmelada para cortar então basta deixar ferver mais um pouco sem tampa.

Fácil, barato e GOSTOSOOOOOO. Já agora sem corantes nem conservantes.

Aqui fica uma dica gostosa e anti-crise.

publicado por donadecasadesempregada às 00:45 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito (1)
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
comentários recentes
Por cá também funciona um calendário, até porque c...
Boa! Parabéns e bom trabalho.
Bom dia, obrigado pelas dicas, quanto ao substrato...
Olá Alexandre.Que bom saber que há quem tenha este...
Olá estamos a iniciar-nos nestas andanças da agric...
E a Educação é muito importante para mudar mentali...
Hoje encontrei o seu blog por acaso! E por acaso e...
Realmente... Depois dos resultados comecei a ter q...
Eu sempre preferi água da torneira mas visto dessa...
Boa, boa!Agora que tudo comece a melhorar!
Posts mais comentados
1 comentário
blogs SAPO